eboat classificado nautico
email:  Senha:      
 Classificados
 Guias / Catálogos
 Guia de empresas

GLOSSÁRIO NÁUTICO
A  B  C  D  E  F  G  H  I  J  K  L  M  N  O  P  Q  R  S  T  U  V  W  X  Y  Z
Abotucadura - Ponto aonde venha se fixar um ovem ou brandal ao casco.
Acuteladas - Velas com muita barriga.
Adernar - Inclinar a embarcação para um dos bordos. Adornamento ou Adernamento
Adriça - Cabo que serve para suspender (içar) as velas e as bandeiras.
Aduchar - Deixar um cabo bem arrumado.
Aguentar - Parar de puxar.
Aguentar sobre volta - Prender passando no cunho mas, aguentando na mão.
Alheta - Ponto aonde se juntam o costado e o espelho de pôpa.
Amantilho - Fixa o pau de spinaker ou a retranca para cima.
Amarra - Corrente ou cabo que liga a âncora ao barco.
Amuras a Bombordo - Quando o lado de Bombordo é o que recebe o vento (Barlavento)
Amuras a Boreste - Quando o lado de Boreste é o que recebe o vento (Barlavento)
Área Costeira - São aquelas áreas em alto-mar, regiões desabrigadas de mau tempo, porém ainda dentro do limite visual da costa, ou seja, você está em alto-mar, em áreas desabrigada, porém está sempre avistando o litoral. Máximo de 20 milhas náuticas da costa.
Área interior - São as chamadas áreas abrigadas ou parcialmente abrigadas de mau tempo e tempestades. Pode-se assim dizer que são as baías, enseadas, lagoas, lagos, rios, canais. Se você só navega em águas abrigadas de mau tempo, você pratica navegação interior.
Área Oceânica - São as áreas totalmente desabrigadas, fora do alcance visual da costa, normalmente a mais de 20 milhas da costa. Lá onde só se avista céu e água.
Arribar - Girar a Proa no sentido de afastá-la da linha do vento (contrário de orçar)
Árvore Seca - Navegação "sem velas" quando o vento está muito forte
Asa-de-Pombo - Disposição das velas em lados opostos quando se navega com o vento pela popa
Barlavento - A direção de onde vem o vento (contrário de sotavento)
Bicha ou Downhaul - Cabo usado para tensionar a valuma da vela
Boca - A parte lateral mais larga de uma embarcação
Bochecha - Parte da embarcação entre a proa e o través
Bolsa de Tala - Reforços costurados a vela usados para acomodar as talas
Bombordo - O lado esquerdo da embarcação quando se está olhando para a proa
Bordejar - Velejar contra o vento usando uma série de cambadas
Boreste - O lado direito da embarcação quando se está olhando para a proa
Brandais - Cabos de aço estendidos lateralmente até o topo do mastro, que impedem o seu movimento para os lados
Burro - Dispositivo usado para puxar a retranca para baixo
Caçar - Puxar as escotas
Cambar - Girar a Proa através da linha do vento, mudando as velas de lado
Cana de Leme - A alavanca que controla o leme
Catracas - Um dispositivo mecânico ou elétrico usado para aumentar a capacidade de puxar um cabo
Cockpit - Espaço na parte de trás da embarcação onde se localizam os seus comandos
Comprimento - Comprimento do casco da embarcação, medidos na horizontal, entre os pontos extremos de proa e popa.
Cruzeta - Reforço lateral em forma de cruz fixada ao mastro onde se apóiam os brandais
Cunho - Peça fixada ao convés usada para amarração de cabos
Cunningham - Olhal (ilhós) instalado na testa da vela grande usado para tensioná-la
Dar um Jaibe - Girar a Popa através da linha do vento, mudando as velas de lado
Embarcações de grande porte - São os barcos com comprimento igual ou superior a 24 metros.
Embarcações de médio porte - São os barcos com comprimento variando entre 5 e 23,99 metros de comprimento.
Embarcações miúdas - São os barcos com menos de 5 metros de comprimento. Segundo a lei estes barcos somente podem navegar em áreas abrigadas (área interior).
Escotas - Cabos usados para controlar as velas. "Caçar" é puxar esses cabos trazendo a vela para a linha de centro do veleiro e "Folgar" é soltá-los, deixando a vela se afastar dessa linha de centro
Estai de Popa - Cabo de aço estendido entre a popa e o topo do mastro que impede o seu movimento para frente
Estai de Proa - Cabo de aço estendido entre a proa e o topo do mastro que impede o seu movimento para trás
Esteira - Borda de baixo
Esticador - Dispositivo usado para tensionar os estais e brandais
Filado ao Vento - Condição em que a embarcação aponta a proa diretamente para o vento sem seguimento ou governo
Folgar - Soltar as escotas
Forras de Rizo - Dispositivo (olhais e cabos) usado para reduzir a vela quando o vento está muito forte
Fuzil - Dispositivo que conecta os estais e brandais ao convés ou casco
Garlindéu - A junção que une a retranca ao mastro. Funciona como um elo giratório que permite a retranca mover-se para cima, para baixo e de um lado para o outro
Genoa - Vela triangular usada na proa
Guarda-Mancebo - Proteção de cabos de aço ao longo da borda da embarcação
Leme - Um dispositivo com a forma de uma chapa, localizado na popa do barco e que serve para governá-la
Linha d´água - Comprimento do veleiro na linha d´água. LWL (Low Water Line)
Mastreação - Conjunto de mastros, retrancas, estais, brandais e demais peças que suportam as velas
Mastro - Perfil vertical que suporta as velas e a retranca
Mestra ou Vela Grande - Vela principal montada no mastro maior
Moitões - Conjunto de roldanas que servem para guiar cabos numa direção desejada ou para compor conjuntos para a redução de esforço
- Medida de velocidade da embarcação equivalente a uma milha náutica por hora ou 1,852 quilômetros por hora
Olha - Argola de metal usada para reforço
Orça Fechada - Velejar o mais próximo possível da linha do vento em direção contrária a este
Orça Folgada - Velejar num ponto entre a orça e o través
Orçar - Girar a Proa na direção do vento (contrário de arribar)
Outhaul - Cabo usado para tensionar a parte de baixo da testa da vela
Panejar - Movimento da vela de balançar irregularmente quando se solta demais a escota ou quando a proa do barco aponta para a linha do vento num ângulo menor do que a orça fechada
- Medida equivalente a 12 polegadas ou 30,48 cm
Pontal - na terminologia náutica significa a maior altura do casco, considerando-se desde a parte inferior da quilha até ao convés.
Popa - Parte de trás da embarcação
Popa Rasa - Velejar com o vento soprando na mesma direção da embarcação
Poste de Guarda-Mancebo - Poste vertical que suporta cabos de aço ao longo da borda da embarcação
Proa - Parte da frente de uma embarcação
Púlpito - Armação de tubos usada para proteger o velejador durante as operações na proa da embarcação
Punho da Adriça - Topo da vela (Local onde é presa a adriça)
Punho da Amura - Parte (canto) de baixo da vela
Punho da Escota - Local onde é presa a escota
Quilha - Um peso sob a forma de uma barbatana, fixado na parte de baixo do casco do veleiro, que serve para impedir o abatimento lateral da embarcação e contribui para a sua estabilidade
Retranca - Perfil horizontal usado para prender e estender a esteira da vela grande
Rizar - Reduzir a área vélica quando o vento está muito forte, dobrando-a sobre a retranca (vela grande) ou enrolando-a no estai de proa (genoa)
Sotavento - A direção para onde vai o vento (contrário de barlavento)
Spinnaker ou Balão - Vela de Proa muito leve e grande usada com ventos de popa até o través
Storm-Jib - Pequena vela de proa, muito resistente, usada com ventos muito fortes
Talas - Tiras de plástico ou madeira que atuam enrijecendo a vela e mantendo uma forma desejada. Contribuem também para evitar o panejamento da valuma
Testa - Borda da frente
Través - Velejar com o vento perpendicular em relação ao rumo da embarcação
Través Folgado ou Alheta - Velejar num ponto entre o Través e a Popa Rasa
Valuma - Borda de fora da vela
Vento Aparente - A velocidade e direção do vento anotadas por um observador que se move em uma embarcação.
Vento Verdadeiro - A velocidade e direção do vento anotadas por um observador estático


Sinónimos
Adornamento ou Adernamento
Antifouling ou Antivegetativo
Aparelho morto ou Aparelho fixo
Arrear ou Amainar
Acostagem ou Atracação
Boreste ou Estibordo
Buja ou Vela de estai
Caçar ou Tensar ou Alar
Carta náutica, carta hidrográfica, plano hidrográfico ou carta de marear
Derivar ou Descair ou Abater (Abatimento)
Embarcadouro ou Ancoradouro
Embaçar ou Calafetar (Calafetagem)
Entesar ou Atesar (Atesamento)
Espia ou Boça
Ferro ou Âncora
Flâmula ou Galhardete
Fundear e Ancorar
Hastear ou Içar
Jaibe ou Virar em roda ou Cambar
Macaco ou Esticador
Moitão ou Polia
Panejar ou Grivar
Pano ou Vela
Piano ou Cunho
Querena ou Carena
Ré ou Popa
Roldana ou Polia
Skipper ou Patrão
Timão ou Roda de leme
Turco ou Serviola
Vante ou Proa
Vela Balão ou Spinnaker ou Spi
Antónimos
Amantilho & Gaio
Arrear & Içar, Hastear
Arribar & Orçar
Barlavento & Sotavento
Bombordo & Estibordo
Caçar & Folgar
Mole & Ardente
Montante & Jusante
Nadir e Zénite
Obras vivas & Obras mortas
Popa (Ré) & Proa (Vante)
Virar por davante & Virar em roda

Expressões
Amurado por Bombordo/Estibordo - navegar recebendo o vento por bombordo/estibordo (Amura);
Falsa Amura - quando navegando à popa, a retranca da vela grande vai na mesma amura da do vento (Amura);
Ir ao trapézio (sair ao trapézio), e não fazer trapézio, porque a vela não é um circo (Prancha (náutica));
Largar ferro - soltar a âncora (ferro) e deixá-la, presa pelo arinque, cair ao fundo (Âncora (instrumento náutico));
Navegar ...: à bolina - com num ângulo apertado com a direcção do vento (Bolina);
à falsa amura - quando navegando à popa, a retranca da vela grande vai na mesma amura em que o barco recebe o vento (Amura);
à popa - a favor do vento (Popa);
contra-vento - o mesmo que à bolina;
de borboleta - quandor à popa utilizando as duas velas com amuras opostas (Popa (mareação));

O leme - nome dado ao velejador que vai ao lema, o timoneiro (Timoneiro);
O proa - nome dado ao velejador que se ocupa do estai (Proa);
Pôr à capa (pôr ao través) - imobilizar um veleiro com as velas desfraldadas (Capa_(náutica));
Subir ao vento - o mesmo que à bolina;
Vela a contra - caçada a barlavento, logo do "mau lado" (Capa (náutica))

 
Download do Glossário náutico completo.

 
 
 Publicidade

Guia de Barcos
 

› Apostilas náuticas › Anunciar no classificado
› Dicas para Vender › Ofertas por mail
› Dicas para Comprar › Indique o site para um amigo
› Código Internacional › Publicidade no eboat
› História da Navegação › Links e parceiros
› Vídeos náuticos › Dúvidas sobre o site
› Meteorologia › Quem somos
› Aplicativos para site › Contato

eboat andorid eboat facebook Google+ twiter eboat rss eboat Aplicativos eboat

O eboat é um espaço aberto a todos que desejam anunciar barcos, lanchas, veleiros, jetski, jet boat, motores de popa barcos de aluminio, botes infláveis escunas trawlers ou qualquer equipamento náutico. Não nos responsabilizamos pelo conteúdo dos anuncios ou pelos bens aqui anunciados. Os anuncios são de inteira responsabilidade do anunciante. Toda negociação é efetuada diretamente entre o vendedor e o comprado. Não intermediamos e não recebemos comissão pela venda.
Copyright© eboat ® 2016 Todos os direitos reservados.